top of page

Sala de Imprensa

Segurança da informação gera confiabilidade ao setor de transporte de cargas

Certificada pela ISO 27001 até 2025, a logtech goFlux recebe manutenção anual da norma e melhora seus índices na proteção de dados


A cada segundo, milhares de dados circulam pela internet e o grande desafio das empresas é manter a integridade e a devida disponibilidade dos mesmos. Nessa árdua missão, diversas ferramentas podem e devem ser utilizadas, mas a principal delas é a segurança da informação. Em seu conceito, o termo tem como objetivo assegurar e preservar os dados de um indivíduo ou organização de forma que estes estejam acessíveis somente aos seus responsáveis de direito.


Segundo Rogério Marigo, especialista de qualidade e processos da goFlux, este é um tema de extrema importância dentro de qualquer organização. “Temos como pilar a confidencialidade, integridade, disponibilidade, autenticidade e legalidade das informações. Desta forma, queremos garantir, por meio de mecanismos de prevenção e monitoramento contínuo, ocorrências como acesso indevido ou vazamento de dados, por exemplo”, diz.


Ainda segundo o especialista, outro ponto essencial em todas as incorporações, independente do setor de atuação, é ter processos bem definidos. “Isso significa um acompanhamento de perto junto ao cliente, desde sua implementação. Esse monitoramento passa também por treinamentos contínuos, focando em capacitação, tanto de pessoas quanto de processos, além claro das melhores e mais eficientes tecnologias. Assim garantimos de fato a segurança dos dados”, detalha.


ISO 27001


Um passo muito importante neste sentido, a empresa deu no ano passado ao conseguir a Certificação da ISO 27001. A norma internacional de gestão de segurança da informação, tem como principal objetivo o atendimento de uma série de requisitos, processos e controles, que visam gerir a proteção e sigilo dos dados presentes nas companhias.


O segundo passo nesta jornada acaba de ser realizado, com a manutenção anual da norma internacional. “Fomos certificados inicialmente até 2025. Porém, todos os anos somos revisitados para que seja feita uma checagem de tudo que é inerente à certificação e se principalmente o sistema foi melhorado, avaliando os nossos projetos de melhoria e estratégia de posicionamento”, destaca Marigo.

Entre os resultados alcançados, a logtech conseguiu demonstrar projetos de melhorias principalmente relacionados à estrutura de tecnologia. Isso foi desde novas ferramentas até a revisão de processos, soluções de maior potencial de segurança e melhor agilidade. “Foram apresentadas mudanças já realizadas e outras que pretendemos implantar daqui para frente, principalmente quanto à vulnerabilidade, riscos e melhora de performance da plataforma”, destacou o profissional.


Pensando nos próximos desafios, o especialista destaca ainda que as empresas devem voltar a atenção também à segurança cibernética (ataques digitais), estendendo esses cuidados não somente às tecnologias, mas também para os funcionários, clientes e fornecedores. “Precisamos disseminar e garantir a importância da segurança da informação para todo o ecossistema que transitamos. Nós da goFlux, temos contribuído com isso sendo patrocinadores dessa inovação”, finaliza Marigo.


Sobre – Sediada em São Paulo, capital, a goFlux é uma startup que surgiu em 2018 fruto da expertise de fundadores experientes em logística que desenvolveram uma plataforma totalmente digital para cotação, negociação, contratação e gestão de fretes rodoviários. A solução vem revolucionando a forma de contratar fretes e impulsionando a competitividade no segmento de transportes, principalmente do agronegócio. Mais em goflux.com.br.




Comments


Featured Posts
Archive
Follow Me
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
bottom of page